Ir para o conteúdo principal

Blog


Reeducação alimentar: 5 dicas para mudar os hábitos alimentares

Reeducação alimentar: 5 dicas para mudar os hábitos alimentares

Mudar os hábitos alimentares pode ser desafiador, principalmente quando nos deparamos com dietas restritivas que proíbem o consumo de alimentos que gostamos. A reeducação alimentar é uma maneira simples de mudar pequenos hábitos e repensar as quantidades e qualidade do que consumimos sem sofrimento. Confira as dicas dos especialistas da área:

Identifique os maus hábitos

É essencial ter um panorama geral da sua alimentação antes de mudá-la. Identifique o quanto você consome dos considerados "alimentos ultraprocessados", como refrigerantes, embutidos e comidas industrializadas. Anote o consumo semanal e esteja pronto para começar a diminuir as quantidades.  

Tenha objetivos e metas

Seja para perder peso ou para garantir uma vida mais saudável, é importante ter um objetivo definido. Estipule metas possíveis a curto prazo, como diminuir o consumo de refrigerante ou comer, pelo menos, duas frutas por dia. Aos poucos, o paladar se adapta e o que antes era um desafio, torna-se normal e rotineiro. 

Faça trocas inteligentes

Você não precisa comer menos, e sim melhor. Troque os industrializados por comidas caseiras e dê preferência para legumes, frutas e verduras na hora de compor seu prato. Escolha alimentos integrais e naturais e evite os calóricos.

Os alimentos integrais não possuem, necessariamente, menor valor calórico, mas contém muitas vitaminas e fibras que saciam por mais tempo e controlam o colesterol e o índice glicêmico. 

Não pule as refeições 

Pular as refeições não ajuda na hora de perder peso. Ficar em jejum estimula o metabolismo a trabalhar mais lentamente, resultando em ganho de gordura. Além disso, você terá mais fome acumulada. Entre o café da manhã, almoço e jantar, coma frutas, barrinhas de cereais, iogurtes ou sementes como lanche. 

Valorize as pequenas mudanças 

Você não precisa abrir mão de tudo que gosta de consumir. Valorize as pequenas mudanças nos seus hábitos. Se antes era rotina consumir refrigerante todo dia, por exemplo, começar a consumir apenas no fim de semana já é uma mudança significativa. 

Coma mais frutas, legumes, verduras e torne a comida sua aliada para uma vida e corpo saudável. Não se cobre exageradamente. A alimentação precisa ser um momento de alegria e prazer. 

Fontes:

Organização Mundial de Saúde

Globo


Comentários