Ir para o conteúdo principal

Blog


História de casal homoafetivo que adotou criança vira livro

História de casal homoafetivo que adotou criança vira livro


Preconceito é uma palavra que não cabe dentro da definição de amor. No caso do casal Lucimar Quadros e Rafael Gerhardt, essa ideia foi concretizada por meio da adoção de João Vitor. Uma história tão bonita deveria ser contada para o maior número de pessoas possível. Por isso, a cooperada Tatiana Gomes, colega de Lucimar no Banrisul, junto do casal homoafetivo, decidiu escrever um livro contando como foi para eles passar pelo processo de adoção.

“Acredito que escrever um livro seria uma ótima chance de disponibilizar detalhes acerca do assunto para as pessoas que têm interesse em adotar mas não possuem informações suficientes”, justificou Tatiana. A obra recém-lançada, intitulada Amor sem Preconceito, foi a primeira da cooperada, que já estuda a publicação de outros projetos editoriais para os próximos anos.

Amor sem Preconceito conta com entrevistas de pessoas envolvidas no processo adoção, como assistentes sociais, juízas, familiares e amigos da família Quadros Gerhardt. Apesar da discriminação, que, infelizmente, ainda é muito presente no Brasil, Tatiana garante que dessa vez, o leitor pode esperar por uma história de final feliz: “Queremos plantar uma sementinha para construirmos um mundo mais humano, com mais amor e sem preconceito. A coragem, a paciência, a determinação e a persistência foram determinantes para que Lucimar e Rafael tivessem êxito no processo. Eles fizeram tudo certo, demonstraram interesse todo o tempo, e nunca desistiram, sempre acreditaram nos sonhos. E o livro está aí para comprovar”.
 


Comentários